(maurício de souza - turma da mônica jovem)

I'm broke but I'm happy, I'm poor but I'm kind (...) I'm sane but I'm overwhelmed, I'm lost but I'm hopeful, baby! (...) I'm young and I'm underpaid, I'm tired but I'm working, yeah! I care but I'm restless, I'm here but I'm really gone, I'm wrong and I'm sorry, baby! (...) I'm free but I'm focused, I'm green but I'm wise, I'm hard but I'm friendly, baby! I'm sad but I'm laughing, I'm brave but I'm chicken shit, I'm sick but I'm pretty, baby! (...) an' what it all comes down to? is that everything's gonna be quite alright. 'cause I've got one hand in my pocket and the other is flicking a cigarette! and what is all comes down to? is that I haven't got it all figured out just yet! 'cause I've got one hand in my pocket and the other one is giving the peace sign!

(alanis morissette - hand in my pocket)

não sei... se a vida é curta ou longa demais pra nós, mas sei que nada do que vivemos tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas. muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que envolve, palavra que conforta, silêncio que respeita, alegria que contagia, lágrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia, amor que promove. e isso não é coisa de outro mundo, é o que dá sentido à vida. é o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais, mas que seja intensa, verdadeira, pura... enquanto durar.

(cora carolina - saber viver)


tibby: eu sou uma merda com relacionamentos. devia ter sido um cara.

lena: não, um cara não se preocupa em ser uma merda em relacionamentos.

tibby: você sabe qual é o problema? toda vez que eu tento me aproximar de alguém é como se tivesse alguma coisa que dissesse, "oh! tibby está ficando feliz. é melhor levá-la." eu não estou muito certa do que quis dizer.

lena: bem, talvez você esteja só assustada.

tibby: é, talvez.

(tibby e lena - quatro amigas e um jeans viajante 2)

sem recompensa, um clima tenso, a pena me irrita... mas não faz diferença, me convenço e cancelo a visita. me dou um bolo sem nenhum sabor, bolo um plano de fuga à prova de dor e tento cavar um túnel que me leve de volta ao mundo que me prendeu sem saber ao certo se era eu naquele instante, diante da chance de roubar um pouco de paz, roubar um pouco de paz (...) preso por não ter sossego!

(jay vaquer - por um pouco de paz)


"it's ok, daddy! I'll protect you"

(lara - crash)

lealdade. coragem. devoção. simplicidade. alegria. e também as coisas que não tinham importância. um cão não precisa de carros modernos, palacetes ou roupas de grife. símbolos de status não significam nada para ele. um pedaço de madeira encontrado na praia serve. um cão não julga os outros por sua cor, credo ou classe, mas por quem são por dentro. um cão não se importa se você é rico ou pobre, educado ou analfabeto, inteligente ou burro. se você lhe der seu coração, ele lhe dará o dele. é realmente muito simples, mas, mesmo assim, nós humanos, tão mais sábios e sofisticados, sempre tivemos problemas para descobrir o que realmente importa ou não.

como é que você permite que esta criatura maravilhosa tome conta do seu coração desse jeito?

(john grogan - marley & eu)

Copyright © 2011 Quero refletir amor.... Designed by MakeQuick, blogger theme by Blog and Web | Posts RSS | Comments RSS